sexta-feira, novembro 30, 2007

Pra rua me levar-Ana Carolina e Seu Jorge




Não vou viver, como alguém que só espera um novo amor
Há outras coisas no caminho aonde eu vou
As vezes ando só, trocando passos com a solidão
Momentos que são meus e que não abro mão

Já sei olhar o rio por onde a vida passa
Sem me precipitar e nem perder a hora
Escuto no silêncio que há em mim e basta
Outro tempo começou pra mim agora

Vou deixar a rua me levar
Ver a cidade se acender
A lua vai banhar esse lugar
E eu vou lembrar você

É... mas tenho ainda muita coisa pra arrumar
Promessas que me fiz e que ainda não cumpri
Palavras me aguardam o tempo exato pra falar
Coisas minhas, talvez você nem queira ouvir.

Refrão

Ana Carolina / Totonho Villeroy



Foto:John Peri

4 comentários:

Paula Raposo disse...

Aqui neste pc não oiço a música. Mas a letra está linda. É isso mesmo...

Menina_marota disse...

"...As vezes ando só, trocando passos com a solidão
Momentos que são meus e que não abro mão..."

Parece ter sido feita para mim, esta letra...

Bela partilha esta. Gostei de ler e ouvir.

Um abraço carinhoso e bom fim de semana ;)

Belzebu disse...

Ia destacar o mesmo que a Menina Marota! O poema é lindíssimo e quero ouvir a música novamente!

Aquele abraço infernal!

Fatyly disse...

Linda, linda, linda e de facto:

Já sei olhar o rio por onde a vida passa
Sem me precipitar e nem perder a hora
Escuto no silêncio que há em mim e basta

fantástico:)***