terça-feira, março 19, 2013

Há como que uma densidade


Há como que uma densidade
dúctil
um grau variável nas palavras
o sopro de uma praia

e estas linhas
mais livres
mais perto de uma forma de água
de um torso
liso
de um objecto
incontornável
um círculo aberto
impossível possível.

António Ramos Rosa

Foto:Eli

3 comentários:

Fatyly disse...

Verdade mesmo...gostei muito!

Beijocas

Observador disse...

Habituei-me a gostar da escrita de António Gomes Rosa.
Por tua causa.

:)
Bj

FireHead disse...

Uiii, algo denso... em contraposição com o... diluído? :P