sábado, fevereiro 19, 2011

Declaração de amor



Minha flor minha flor minha flor. Minha prímula meu pelargónio
meu gladíolo meu botão-de-ouro. Minha peónia. Minha cinerária
minha calêndula minha boca-de-leão. Minha gérbera. Minha clivia. Meu
cimbidio. Flor flor flor. Floramarilis. Floranémona. Florazálea.
Clematite minha. Catléia definio estrelitzia. Minha
hortensegerânea. Ah, meu nenúfar. Rododendro e crisântemo e
junquilho meus. Meu ciclámen. Macieira-minha-do-japão.
Calceolária minha. Daliabegónia minha. Forsitiaris tuliparrosa
minhas. Violeta... Amor-mais-que-perfeito.Minha urze.
Meu cravo-pessoal-de-defunto. Minha corola sem cor e nome no chão de
minha morte.

Carlos Drummond de Andrade

Imagem retirada do Google

3 comentários:

Fatyly disse...

Não conhecia e nem consigo perceber a maioria das palavras, possivelmente nomes de flores. Ai Drummond se o siô me fizesse esta declaração de amor eu pensaria que o siô endoidou de vez e sinceramente não gostei:):):)

Beijocas sorridentes

Observador disse...

Difícil de analisar...

Paula Raposo disse...

Perfumado!!
Beijos.