segunda-feira, julho 15, 2013

Matéria Solar-12

Tocar-te a pele
o pulso aberto
ao gume do olhar.

Que seja essa
a casa, a estrela
do primeiro dia.

Rosa inflamável,
boca do ar.

Eugénio de Andrade

Imagem retirada do Google

4 comentários:

FireHead disse...

"Matéria Solar-12"? :O

wind disse...

Porque é um conjunto de poemas com o título de Matéria Solar:)

Nilson Barcelli disse...

Rosa inflamável é de mestre...
Isabel, querida amiga, tem uma boa semana (ou boas férias, se for o teu caso).
Beijinhos.

Fatyly disse...

este é um dos meus favoritos desse "Matéria Solar". Foi tão bom reler!

Beijocas