quinta-feira, julho 11, 2013

***



Quando eu morrer voltarei para buscar 
os instantes que não vivi junto do mar


Sophia de Mello Breyner Andresen

Imagem retirada do Google

4 comentários:

Fatyly disse...

Eu também já que o mar é o meu maior amigo e confidente:)

Lindissimo e profundo!

Beijocas

Observador disse...

Quanta verdade em, apenas, duas linhas.

Enorme Sophia.

Bj

FireHead disse...

E ela por acaso voltou também da morte para escrever como é que se faz isso depois de morrer?

wind disse...

Ai rapaz, já cá faltava a tua ironia.lololol