segunda-feira, outubro 07, 2013

VI

Não te chamo para te conhecer
Conheço tudo à força de não ser

Peço-te que venhas e me dês
Um pouco de ti mesmo onde eu habite

Sophia de Mello Breyner Andresen

Imagem retirada do Google

6 comentários:

Henrique ANTUNES FERREIRA disse...

Windamiga (o)?

Belíssima ilustração para um belíssimo poema. Tive a sorte e o prazer de conhecer e falar com Senhora Dona Sophia.

Qjs = queijinhos = beijinhos (rimam...)

ou Abç

Henrique

E... já te sigo.

FireHead disse...

Uma foto simplesmente... maravilhosa. :)

wind disse...

Sou mulher, Henrique:)

Observador disse...

Ao bom trabalho de Sophia associo a bela foto.

Bjs

Fatyly disse...

Ao contrário de todos, gostei imenso do poema...mas a foto...arrepia-me tanta pintura que dá um ar opaco ao que temos de mais belo: a pele!

Beijocas

JP disse...

Uma bela escolha...do texto e da foto :)

Beijinho