quinta-feira, maio 13, 2010

Merda e Ouro



Merda é veneno.
No entanto, não há nada
que seja mais bonito
que uma bela cagada.
Cagam ricos, cagam pobres,
cagam reis e cagam fadas.
Não há merda que se compare
à bosta da pessoa amada.

Paulo Leminski

Imagem retirada do Google

4 comentários:

Fatyly disse...

Credooooo loll

Paula Raposo disse...

Eheheh pois...não diria tanto!
Beijos.

polittikus disse...

Hahahaha está muito ben apanho. O meu avó dizia que se a merda vale-se dinheiro, os pobres tinham nascido sem cu...

Isabel-F. disse...

bom ...
lá que o poema é bom ,é sem dúvida ...

mas .... rsss ....


beijinhos