domingo, abril 27, 2014

Há noites



Há noites que são feitas dos meus braços
E um silêncio comum às violetas.
E há sete luas que são sete traços
De sete noites que nunca foram feitas.

.......

Há noites que nos deixam para trás
Enrolados no nosso desencanto
E cisnes brancos que são só iguais
À mais longínqua onda do teu canto.

Há noites que nos levam para onde
O fantasma de nós fica mais perto;
E é sempre a nossa voz que nos responde
E só o nosso nome estava certo..

Natália Correia

Imagem retirada do Google

3 comentários:

Fatyly disse...

Natália Correia uma voz que incomodava...os acomodados.

Beijos e um bom domingo

Observador disse...

Há noites assim.
Grande Natália!

FireHead disse...

Por acaso adoro a noite. E as últimas duas noites, com a minha namorada, foram o máximo.