sábado, outubro 08, 2011

Advertência



Dizem-me distante da terra
e, qual judeu errante,
não pude criar raízes
(leia-se amigos
confrontos
países).

Que não vos espante
me sejam tão fáceis
os adeus.

Manuel Filipe, in"O Rosto Remoto", pág. 10

Imagem retirada do Google

4 comentários:

Fatyly disse...

Partilhas mais um belo poema de Manuel Filipe e realmente todo o seu livro é espectacular. A foto escolhido é um mmust!

Beijocas e um bom dia

Nilson Barcelli disse...

Belíssimo.
Beijo.

Observador disse...

Muito bom!

Bj

mfc disse...

Os "adeus" custam a todos...
Os poetas continuam a ser fingidores!